Netsaber » Biografias

Diógenes de Apolônia, o físico

(Filósofo pré-socrático e médico )
~ 490 - 425 a.C.


Filósofo pré-socrático e médico nascido em Apolônia, cidade fundada pelos milésios na região do Ponto, atual noreste da Turquía, a qual não deve ser confundida com outra cidade cretense de mesmo nome, conhecido por suas teorias ecléticas e, portanto, fundador do ecletismo. De sua vida quase nada se sabe, porém Diógenes Laércio (240-310) afirmou que ele foi contemporâneo de Anaxágoras (499-428 a. C.) e dos sofistas. Escreveu um livro intitulado Sobre a Natureza e, além deste, mais três escritos, ao que se tem notícia: Contra os Sofistas, Meteorologia e Da Natureza do Homem. Segundo comentadores antigos, teria sido médico, interessando-se em investigar, em seus escritos, questões relativas à anatomia humana, e também teria se dedicado às causas das doenças, tanto quanto às questões de caráter filosófico. Do todo de seus escritos, chegaram até hoje apenas fragmentos, conservados sob forma de citação ou comentário (doxografia) em obras de pensadores posteriores. Diógenes é considerado, quanto a seu pensamento, um continuador da escola milésia, embora incorpore elementos da filosofia de Anaxágoras (499-428 a. C.), com quem teria estudado. Provavelmente morreu em Atenas e juntamente com Demócrito de Abdera (460-370 a. C.) , encerraram o denominado período pré-socrático. Seu pensamento tinha como princípio que o ar era a fonte de vida para todos os entes animados. E onde há vida, há também pensamento, pois, assim que algo morre, seu pensamento prontamente se apaga. Se tudo é composto de ar, através de sua condensação e rarefação todas as coisas poderiam ser geradas ou destruídas, então a ele caberia, também, ser considerado como uma divindade. O ar figurava, desta forma, como o princípio único, eterno e ilimitado para todas as coisas, uma vez que sempre esteve e está em toda parte. Não confundir com Diógenes de Sínope, o cínico (413-323 a. C.).

Biografias Relacionadas


- Protágoras De Abdera

Filósofo sofista e legislador grego nascido em Abdera, cidade litorânea entre a Macedônia e a Trácia, o mais antigo e o mais destacado sofista, criador do método da antilogia. Conterrâneo de Demócrito, cuja escola conheceu (~ 460), exerceu o magistério...

- Parmênides De Eléa

Filósofo pré-socrático, matemático e poeta grego, natural de Eléia, hoje Vélia, na Magna Grécia, sul da Itália, entre o pontal Licosa e o cabo Palinuro, que inaugurou o pensamento metafísico que, sistematizado no platonismo, entende como ilusório o mundo...

- Demócrito De Abdera

Filósofo, historiador e cientista atomista grego nascido em Abdera, na Trácia, nas costas do Mediterrâneo, considerado o principal representante da escola atomista, que defendia uma explicação totalmente material e mecanicista do mundo, bem como um dos...

- Timón De Fliunte [ou De Fliús]

Escritor satírico e filósofo cético nascido em Fliús, cidade às margens do rio Asopo, próxima a Corinto, no Peloponeso, e tido como o principal discíplo de Pirro de Élida (365-275 a. C.). Detalhes de sua vida são encontrados nos escritos de Diógenes Laércio...

- Metrodoro De Quiós

Filósofo atomista grego do quarto século nascido em Quiós, uma ilha da costa jônica, na Ásia Menor, que desenvolveu temas gnosiológicos e que foram aproveitados pelo ceticismo pirrônico. Foi discípulo de Demócrito de Abdera (460 - 370 a. C.) diretamente,...