Netsaber » Biografias

Oscar Niemeyer

(Arquiteto brasileiro)
15-12-1907, Rio de Janeiro (RJ)


Amante das curvas, Oscar Niemeyer Soares Filho revolucionou a arquitetura mundial com a beleza, leveza e inventividade de suas obras numa época em que imperava o rigor técnico. Nasceu no Rio de Janeiro e se formou pela Escola Nacional de Belas-Artes (1934). Como estagiário no escritório de Lúcio Costa, integrou em 1936 a equipe de arquitetos que colaborou com Le Corbusier – a grande influência de sua vida – na construção do edifício do Ministério da Educação, hoje Palácio da Cultura, do Rio de Janeiro, um marco da moderna arquitetura brasileira. Aos 35 anos, desprezando deliberadamente os ângulos retos e a arquitetura racionalista feita de régua e esquadro, penetrando com desenvoltura no espaço de curvas e retas que o concreto armado oferece, surpreendeu o Brasil e o exterior com os imprevisíveis e criativos prédios do Conjunto da Pampulha (MG). Em 1939, de novo ao lado de Lúcio Costa, trabalhou no projeto do pavilhão brasileiro na Feira Internacional de Nova York. Em 1947, ganhou por unanimidade o concurso para a construção da sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York. Seguindo sempre a linha de liberdade plástica e invenção arquitetural, de 1956 a 1959 dedicou-se à construção de uma das mais arrojadas obras de urbanismo e arquitetura do século: Brasília. Respeitando o Plano Piloto de Lúcio Costa, realizou os principais prédios: os palácios da Alvorada e dos Arcos, os ministérios, a Praça dos Três Poderes, a catedral, a universidade e os blocos residenciais. Durante a ditadura, foi forçado a deixar o país e exilou-se na França, devido à sua ligação com o Partido Comunista. Criou diversos projetos em vários países: Alemanha, Argélia, Cuba, Estados Unidos, França, Inglaterra, Israel, Itália, Líbano, Portugual, Venezuela, cidade de Neguev e Turim. Na França, De Gaulle e Malraux elaboraram uma lei especial para permitir que trabalhasse no país por toda a vida. No final dos anos de 1960, retornou ao Brasil e passou a lecionar na Universidade do Rio de Janeiro. Nos anos de 1980, mantendo o jogo harmônico de volumes e grandes espaços livres e abdicando dos detalhes menores, ergueu em São Paulo o monumental Memorial da América Latina.

Biografias Relacionadas


- Sérgio Wladimir Bernardes

Arquiteto brasileiro nascido no Rio de Janeiro, um dos gênios da arquitetura e urbanismo modernos e contemporâneos no Brasil e que conseguiu projeção internacional criando novos materiais e inovando as aplicações dos já existentes. Realizou seu primeiro...

- Burle Marx

Numa época em que os paisagistas brasileiros viam apenas rosas e cravos importados da Europa, Roberto Burle Marx descobria qualidades nas plantas do Brasil. Com intuição e sensibilidade, cuidou da vegetação de sua casa, no morro do Leme, no Rio de Janeiro,...

- Roberto Burle Marx

Famoso paisagista brasileiro nascido em São Paulo, SP, que se tornou conhecido por dar às criações uma orientação ecológica. Ainda criança, transferiu-se com a família para o Rio de Janeiro, RJ, onde estudou pintura e arquitetura na Escola Nacional de...

- Kenzo Tange

Arquiteto japonês nascido na pequena província de Imabari, na ilha Shikoku, criador de alguns dos mais ousados projetos arquitetônicos do Japão e vencedor do prêmio Pritzker de Arquitetura (1987). Formou-s4e em arquitetura na Universidade de Tóquio e...

- Candido Portinari

Candido Torquato Portinari é um dos maiores nomes da pintura brasileira, alcançando fama internacional pela qualidade e pela temática social de sua obra. Sempre preocupado em caracterizar o tipo brasileiro, retratou a vida rural brasileira, a tragédia...