Netsaber » Biografias

Stan Getz

(Saxofonista norte-americano)
2-2-1927, Filadélfia, Pensilvânia
6-6-1991, Malibu, Califórnia


Seu verdadeiro nome era Stanley Getz. A bossa nova brasileira deve grande parte de seu êxito comercial dos anos 60 a Stan Getz. A canção que dá título a seu álbum Garota de Ipanema (1964), de autoria de Tom Jobim e Vinícius de Moraes, premiado com um dos 11 Grammy recebidos ao longo de sua carreira, foi um grande sucesso da bossa nova, tendo várias versões. Músico desde jovem em muitas "big bands", aderiu a partir de 1947 ao chamado cool jazz, representado pelo Four-Brothers-Sound da orquestra de Woody Herman. É conhecido por esse nome o som típico interpretado por quatro saxofones tenores e um barítono popularizado pelos Four-Brothers (1947). Getz, que se caracteriza por sua brilhante capacidade de improvisação, foi um dos mais célebres intérpretes de saxofone tenor.

Biografias Relacionadas


- Oscar Peterson

Peterson é considerado um virtuoso pianista de jazz, com uma gama muito ampla de registros, que vão do swing ao hardbop. Sua fama teve origem numa atuação no Carnegie Hall de Nova York, em 1949, e, a partir de 1953, realizou também concertos na Europa....

- João Gilberto

"Se você disser que eu desafino, amor / Saiba que isso em mim provoca imensa dor / Só privilegiados têm ouvido igual ao seu / Eu possuo apenas o que Deus me deu / Se você insiste em classificar / Meu comportamento de antimusical / Eu, mesmo mentindo,...

- Vinícius De Moraes

Consagrado no movimento da bossa nova, Marcus Vinícius Cruz de Melo Moraes compôs, junto com Tom Jobim, a música Garota de Ipanema, símbolo de uma época e, com seu jeito pausado e intimista de cantar, foi um marco da bossa nova. Além de compositor e intérprete,...

- John Coltrane

Começou a ser conhecido como virtuose do saxofone nas bandas de Dizzie Gillespie e Miles Davis. Mais tarde, editou seu primeiro álbum solo com o título Round About Midnight. Em 1960 formou sua própria banda. Com ela, exerceu grande influência na cena...

- Tom Jobim

"O meu pai era paulista / Meu avô, pernambucano / O meu bisavô, mineiro / Meu tataravô, baiano / Meu maestro soberano / Foi Antonio Brasileiro." Nessa canção de Chico Buarque, Tom Jobim é citado como uma espécie de fundador arquetípico da nacionalidade...